Salmo 71

19/11/2014 17:12

Hoje, meditando no Salmo 71, os seguintes versículos me chamaram a atenção:

 

“Pois tu és a minha esperança, ó Soberano Senhor, em ti está a minha confiança desde a juventude.

Tornei-me um exemplo para muitos, porque tu és o meu refúgio seguro. Do teu louvor transborda a minha boca, que o tempo todo proclama o teu esplendor.

A minha boca falará sem cessar da tua justiça e dos teus incontáveis atos de salvação. Falarei dos teus feitos poderosos, ó Soberano Senhor; proclamarei a tua justiça, unicamente a tua justiça. Desde a minha juventude, ó Deus, tens me ensinado, e até hoje eu anuncio as tuas maravilhas.

Tua justiça chega até as alturas, ó Deus, tu, que tens feito coisas grandiosas. Quem se compara a ti, ó Deus? Tu, que me fizeste passar muitas e duras tribulações, restaurarás a minha vida, e das profundezas da terra de novo me farás subir.

E eu te louvarei com a lira por tua fidelidade, ó meu Deus; cantarei louvores a ti com a harpa, ó Santo de Israel. Os meus lábios gritarão de alegria quando eu cantar louvores a ti, pois tu me redimiste”. (Salmos 71:5, 7-8, 15-17, 19-20, 22-23 NVI).

 

Davi foi um homem que conheceu a Deus ainda em sua juventude, pois escolhido por Ele, se tornou referência para seu povo, viveu muitas guerra, teve muitas vitórias, pecou, se arrependeu, sofreu durar consequências pelo seu pecado, viveu momento de muita crise e solidão, e isso pode ser visto nos Salmo.

Mas em todo momento, ele confiou no Deus que conhecia e estava certo de que, mesmo que as circunstâncias não o permitissem ver, Ele o livraria!

 

Meditando neste salmo e em minha vida, passou como um filme diante de meus olhos. Como Davi, posso dizer que conheci a Deus em minha mocidade, fui escolhida, me tornei referência para meu povo, vivi muitas guerras, tive muitas vitórias, pequei, me arrependi, sofri duras consequências pelo meu pecado, vivi momentos de muita crise, solidão, mas sempre confiei no Deus que conheci ainda jovem e mesmo que muitas vezes as circunstâncias não me permitissem ver, estava certa de que Ele me livraria!

 

E nossos dias são assim! Nossa vida e feita de fases, onde vivemos momentos bons e outros nem tanto, e alguns nada bons! Mas conhecer ao Senhor e andar com Ele, nos faz seguros de que os Seus olhos nos acham em qualquer lugar, podemos ver o Senhor em todos os lugares, e confiar em suas promessas, de que não há vale tão profundo, provação tão difícil,  que Ele não possa nos livrar, pecado ou culpa, ou algo que façamos que Ele não possa perdoar, ou que seja maior que o Seu amor!

Nada pode nos afastar da Sua presença quando temos um coração contrito, quando temos espírito reto e rendido diante dele!

 

Não importa o capítulo que estamos vivendo agora, precisamos ter em mente que vivemos uma história de amor, um amor eterno, um amor de renúncias, um amor que nos enche de surpresas simples e apaixonastes cada dia! Um amor sempre presente, um amor obstinado, que é fiel, não importa como somos ou quanto erramos, ou o que passamos, tem um final feliz a nossa espera: o encontro do noivo com a noiva, para vivermos uma vida sem lágrimas, sem dor, sem sofrimento!

Ele prometeu, e é fiel para fazer muito mais do que pedimos do que pensamos!